in

Valdemiro Santiago pede R$ 70 milhões por mês aos fieis em meio à crise

Pastores evangélicos e igrejas estão tentando renegociar suas dívidas com emissoras de TV e o pagamento de aluguéis pelos espaços dedicados aos cultos transmitidos, em meio à crise causada pela pandemia do novo Coronavírus.

Publicidade

Um deles está tomando uma medida até mais apelativa para conseguir mais doações dos fieis: o auto-intitulado apóstolo Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, quer arrecadar 70 milhões de reais por mês, em campanha lançada há alguns dias.

Segundo ele, é necessário que cerca de 1 milhão de fieis contribuam com R$ 70,00 mensalmente, o que geraria os 70 milhões por mês pretendidos por Valdemiro Santiago. Essa não é a primeira campanha mirabolante do pastor. Anos atrás, inclusive, ele revelou a um jornalista ter um hangar com 6 aviões, o que contrasta com os apelos por socorro financeiro agora.

PUBLICIDADE

A pandemia do novo Coronavírus está gerando crises econômicas em todo o planeta, inclusive aqui no Brasil, onde a expectativa de encolhimento da economia é dada como certa e alarmante pelos economistas. A indústria, por exemplo, já está no mesmo patamar de tamanho de 2003.

Alguns pastores, no entanto, estão tentando abocanhar parte do auxílio emergencial de R$600,00 concedido à população mais pobre, como já tem sido noticiado nas últimas semanas. Outros estão preocupados com seus impérios, outros estão ajudando os que estão em situação de vulnerabilidade. Cada qual com sua prioridade.

Publicidade

Governador da Bahia diz que não haverá Carnaval 2021 se não descobrirem vacina

Ex-Diante do Trono critica cantores gospel que cantam músicas seculares